Dilma reduz cota de US$ 300 para US$ 150 de compras na fronteira de Foz do Iguaçu

A senadora Gleisi Hoffmann (PT) participou neste final de semana de encontro em Foz do Iguaçu, mas não explicou e nem foi perguntada dos porquês que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, baixou a cota de compras na tríplice fronteira de US$ 300,00 para US$ 150,00, já a partir desta segunda-feira, 21.

A portaria foi publicada no Diário Oficial da União, seção 1, página 25, Portaria do Ministro da Fazenda nº 307, de 17 de julho de 2014. A redução da cota de isenção vale para viajantes que ingressam no país via terrestre, fluvial ou lacustre.

Caso o valor ultrapasse o limite, o turista deverá pagar 50% de imposto referente ao valor que exceder a cota de US$ 150,00, ou seja, caso o turista compre um celular de US$ 200,00, terá que pagar US$ 25 dólares de imposto para o governo.  
A cota era de US$ 300 desde 2005. Quando, depois de várias revindicações os comerciantes da fronteira conquistaram este reajuste. Agora, depois de muita inflação nestes últimos anos, onde a cota deveria passar para US$ 500.

Cerimônia de lançamento do Crescer - Programa Nacional de Microcrédito

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s